Tag: Stephanie Eliot

#Livro | Beijos em Nova York

Autora: Catherine Rider
Editora: Galera Record
Páginas: 239
Skoob
Onde Comprar: Americanas | Submarino | Amazon

Oi gente!
Se você procura um romance fofo e clichê, bem ao estilo Sessão da Tarde, para ler em poucas horas e iniciar bem o ano, se liga nessa dica! “Beijos em Nova York”, da Catherine Rider (pseudônimo dos autores James Noble e Stephanie Eliot), foi publicado pela Galera Record e traz uma história bem água com açúcar, mas super envolvente! E tem um plus: quem curte histórias natalinas, também vai adorar!

É véspera de Natal no aeroporto JFK, em Nova York. Mas Charlotte, uma estudante britânica que veio à cidade para um intercâmbio que acabou se transformando no pior semestre de sua vida, não está exatamente sentindo esse clima natalino: como se não bastasse ter levado um fora recentemente, percebeu que, devido a uma nevasca, não conseguiria retornar a Londres para passar a noite de Natal com sua família. É então que, sozinha no aeroporto e desesperada para ir embora, conhece Anthony, que, coincidentemente, acabou de levar um fora – e pior: em público. Munidos de um livro de autoajuda, “Supere seu ex em 10 passos fáceis”, e determinados a, de fato, superarem suas desilusões amorosas, os dois passarão a noite de Natal cruzando a cidade de Nova York – e, sem querer, embarcarão também numa viagem de autodescoberta que mudará sua trajetória.

O grande destaque do livro são seus personagens – Charlotte e Anthony são bem cativantes e possuem química juntos. O livro é narrado em alternância pelos dois e a história se passa em poucas horas, tendo cada um contando um momento da aventura baseada no livro de superar o ex. As diferenças entre as narrações deles são bem claras, portanto, provavelmente cada autor ficou responsável por escrever os capítulos de cada um dos protagonistas. Isso foi ótimo porque deixou bem evidente a personalidade do Anthony e da Charlotte e permitiu compreendê-los melhor. Ambos estão se redescobrindo e essa jornada em conjunto com o leitor traz uma identificação.

“É só que… está frio e escuro. E, se você não é daqui. Nova York pode ser… não sei, um tipo de monstro. Pode te comer viva, sabe? Especialmente com esse seu sotaque de Downton Abbey.”

“Beijos em Nova York” é uma leitura dinâmica, bem rapidinha, ágil, que flui legal, com personagens cativantes. Um romance leve, que nos transporta pelos pontos de Nova York. Trata-se de uma história adolescente, que traz aquele quentinho no coração. Vale a pena!

Quem aí curte leituras fofinhas e rápidas? Pretendem ler Beijos em Nova York? Me contem nos comentários!

E pessoal, aproveitem e me sigam nas redes sociais 
Instagram do Entrelinhas | Instagram Felipe Lange | Fanpage Entrelinhas | Facebook Felipe Lange