Tag: Krystal Sutherland

Livro ▪ Uma lista (quase) definitiva de piores medos

Autora: Krystal Sutherland
Editora: Alt
Páginas: 304
Skoob
Onde Comprar: Americanas | Submarino | Amazon

Oi gente!
Hoje vou falar de uma leitura que eu curti bastante. “Uma Lista quase definitiva de piores medos”, de Krystal Sutherland, mesma autora de “A química que há entre nós”. O livro conta a jornada de uma adolescente que se vê obrigada a enfrentar seus maiores medos.

Esther Solar é uma jovem garota, no mínimo problemática. Ela acredita que sua família foi amaldiçoada quando o avô encontrou com a “Morte” durante a Guerra do Vietnã. O patriarca da família sempre contou que cada membro morreria de seus piores medos. O irmão de Esther tem pavor do escuro, seu pai sofre de agorafobia e não sai do porão há anos e sua mãe é completamente obcecada por má sorte. Esther ainda não sabe qual é seu grande medo – e pretende continuar assim. Para tal, ela elabora uma lista com seus piores medos para conseguir evita-los: ela não chega nem perto de lagostas, mariposas, espaços fechados, cortes de cabelo, espelhos e toda e qualquer coisa que tenha o potencial de evoluir para uma fobia.

Até que Jonah Smallwood reaparecer em sua vida. O reencontro resulta no furto de seu celular, dinheiro, dignidade e – o mais importante – sua lista. Mas o que parece ser ruim fica pior quando Jonah a desafia a quebrar a maldição da família, enfrentando cada uma das fobias de sua lista.

Como falei, a leitura foi uma bela surpresa. Apesar que no começo, foi um pouco difícil engrenar, mas depois que o casal protagonista começa a ter um desenvolvimento, a história fluiu. Preciso dizer também que a leitura pode despertar gatilhos, já que é falado sobre traumas psicológicos, violência e suicídio em determinado momento.

Os personagens são o grande ponto positivo do livro, todos são bem construídos. Esther e Jonah juntos funcionam super bem! O casal possui química e são super fofos ao longo dos capítulos. Achei super legal a relação de Jonah fazer com que Esther perca seus medos, ao mesmo tempo que ele também passa por problemas familiares. Eugene, irmão de Esther, também passa por sérios problemas depressivos – e sua família não percebe, o que causa um grande desconforto proposital no leitor. A leitura alterna entre momentos sufocantes e romance fofo.

“Uma Lista quase definitiva de piores medos” é um drama que causa estranheza ao mesmo tempo que alerta e discute temas super importantes. Vale a pena conferir!

E pessoal, aproveitem e me sigam nas redes sociais 
Instagram do Entrelinhas | Instagram Felipe Lange | Fanpage Entrelinhas | Facebook Felipe Lange