#Série | 2ª Temporada de Dark

Oi gente!
Antes de assistir Stranger Things 3 (tem resenha AQUI), eu conferi a 2ª temporada de Darksérie alemã da Netflix. Em sua temporada de estreia, a produção se mostrou uma grata surpresa devido à sua trama intrincada que misturava suspense e ficção científica. Nos primeiros episódios, a série apresentou Widen, uma cidade tomada por mentiras e segredos que entra em ebulição após o inexplicável desaparecimento de um garoto que resulta em uma complexa teia de viagens no tempo. Depois de dois anos de espera, a produção alemã retorna em grande estilo ao escancarar sua veia sci-fi, sem deixar os mistérios para trás.

Fãs de ficção científica que ainda não conferiram Dark, estão perdendo a chance de acompanhar uma ótima produção. A nova temporada possui apenas oito episódios.

Dark volta exatamente no ponto de parada da season 1, quando Jonas Kahnwald (Louis Hofmann) se encontra no futuro – no ano de 2052 – após sua versão mais velha tentar destruir o buraco de minhoca. O mundo pós-apocalíptico traz novos perigos para o adolescente, que descobre uma forma de voltar ao passado após se esgueirar por um túnel e encontrar um grande segredo. Com isso, passamos a entender mais o papel do personagem na complexa engrenagem da série, assim como suas conexões com outros personagens como Noah (Mark Waschke) e a diretora da usina nuclear (em 1986) Claudia Tiedemann, que vemos em três versões diferentes. Paralelamente, durante as investigações a respeito do sumiço de Mikkel Nielsen (Daan Lennard Liebrenz), mais pessoas descobrem a possibilidade de visitar outros períodos, criando um verdadeiro fluxo de gente fora de seu tempo. Consciente de sua densidade, o roteiro consegue se manter coeso ao localizar pessoas com motivações variadas através de linhas temporais.

Com uma produção meticulosa, a nova temporada amplia não só sua complexidade narrativa, como também seu espetáculo visual. O grande acerto de Dark na segunda temporada é explorar ainda mais ‘o vilão’- que depois se descobre que não existe nem vilão, nem mocinho. E a linha que une a ciência e a ficção.

Ao solidificar seus pontos positivos, Dark se mantém firme em uma vastidão de tramas e garante um retorno em alto nível, e com previsão de terminar na terceira temporada, o futuro da produção não poderia ser mais animador (e desesperador ao mesmo tempo). A produção traz uma segunda temporada que é brilhante, mas o nó na cabeça continua, talvez até piora. O final da temporada é surpreendente! É interessante o fato que Dark te faz pensar, raciocinar, além de criar mil teorias. De vez em quando é bom sair da zona de conforto.

  • Emerson

    Já ouvi falar que essa série é difícil de ser entendida. Já adicionei ela para ver algum dia. Bom fim de semana! Jovem Jornalista Fanpage Instagram Até mais, Emerson Garcia

  • Pâmela

    Que interessante! Muitas amigas estão vendo a série e uma inclusive comentou que a cada episodio fica melhor, e realmente fiquei curiosa mas ainda não tive tempo de assistir... E agora com La Casa de Papel dificulta mesmo! Mas ja vale a dica *-* Beijocas da Pâm Blog Interrupted Dreamer

  • Renata (escutaessa)

    Oi Sou apaixonada por série e também vi Dark, gostei muito da primeira temporada e a segunda já está na lista pra ver!! Adorei o seu post Beijinhos Renata Escuta Essa | Facebook | Twitter | Instagram

  • Luciano Otaciano

    Oi, tudo bem? Essa série é maravilhosa. Ótima dica. Abraço! https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com

  • Eliana

    Oi, tudo bem? Já conheço um pouco da série, mas ainda estou na metade da primeira temporada. Confesso que muito curiosa para descobrir os mistério da pequena cidade. Espero terminar e partir para a segunda temporada em breve. Beijos https://construindoestante.blogspot.com/

  • Mary

    Olá. Confesso que nunca tinha ouvido falar da serie, me despertou uma curiosidade. Parece ser bem interessante. Beijos www.byglamour.com

  • Camila

    Ola Felipe, eu adoro ver séries, tanto quanto ler, mas está em especial ainda não tive interesse de ver, está na lista porque eu adoro ver outras culturas, seus jeitos e as diferenças de cada lugar! E sim, é muito bom sair da zona de conforto de vez em quando..

  • Denise Crivelli Nascimento

    Oi mais uma série bem comentada e que eu ainda não conferi, preciso assistir, mas parece ser uma série que faz o telespectador se perder um pouquinho nas informações, nossa demorou a segunda temporada para sair em. http://momentocrivelli.blogspot.com

  • Carol Cristina

    Olá Felipe! Eu gosto de sair da zona de conforto de vez em quando sim, mas já tentei assistir essa série e não consegui continuar... Bjs A Colecionadora de Histórias - Blog

  • Jéssica ~ Fashion Jacket

    Está na minha lista, mas ainda não comecei a assistir. Ouço muita gente falando bem da série. Beijos ♥ Jéssica || Fashion Jacket www.fashionjacket.com.br

  • Luiza Helena Vieira

    Oi, Felipe! Maratonei essa série na última semana e estou bem ansiosa pela terceira temporada. Beijos Balaio de Babados

  • Silvana Crepaldi

    Olá, Felipe. Eu terminei o quarto episódio ontem e fiquei de cara com a revelação no final do episódio. Essa ´serie é ótima, mas dá um nó na cabeça da gente hehe. Prefácio

  • Rafaela Oliveira

    Já ouvi falar sobre está série,mais ela não faz muito o meu estilo. Mais para quem gosta é uma ótima pedida. www.paginasempreto.blogspot.com.br

  • Suelen Mattos

    Se não me engano acho que assisti só os dois ou três primeiros capítulos da 1ª temporada dessa série. Preciso retomar, pq gostei bastante. Realmente, tem muuuuito mistério aí nesse meio! =) Suelen Mattos ______________ ROMANTIC GIRL

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *